(31) 3228-3333

Polícia apreende meia tonelada de bananas de dinamite em Ribeirão das Neves, na Grande BH

A Polícia Civil apreendeu 500 quilos de explosivos em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, nessa segunda-feira (3). As bananas de dinamite estavam em uma casa em construção no bairro Havaí e foram localizadas durante uma operação de repressão contra quadrilhas especializadas em explosão de caixas eletrônicos.

O material estava guardado em barris de plástico e metal, enterrados no terreiro e os agentes identificaram que não havia risco de explosão.

Segundo o chefe da Delegacia Especializada em Repressão ao Roubo a Banco, do Departamento Estadual de Investigação de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri), delegado Márcio Nabak, um suspeito, com passagem policial por tráfico de drogas e furto já foi identificado. “A PCMG já entrou em contato com o proprietário, que repassou todas as informações da pessoa que locou o imóvel, e já estamos trabalhando para chegarmos a esse indivíduo. É possível, inclusive, que, percebendo a aproximação da Polícia no local, ele tenha fugido. É questão de tempo até que cheguemos ao suspeito”, informou Nabak.

A apreensão, conforme o delegado, pode evitar inúmeros ataques a caixas eletrônicos em Minas. “Para se ter uma noção, apenas metade de uma banana de dinamite é suficiente para explodir um caixa eletrônico. Com toda essa quantidade apreendida, seriam expolidas várias agências por inteiro”,  explicou

Agora, as investigações prosseguem para identificar o fabricante, os compradores e as organizações criminosas que tenham desviado a carga explosiva. “Como o material estava enterrado, isso dificulta um pouco a identificação da procedência, já que os códigos de barra ficaram ilegíveis. Por isso, já repassamos a informação a várias empresas do ramo para que nos ajudem nesse processo de reconhecimento dos produtos”, completou.

A pena para esse tipo de crime pode variar de três a seis anos de prisão e multa.

FONTE: Jornal Hoje em Dia